24/03/2018

Ação desenvolvida junto a 863 alunos da EE Filomena Matarazzo é contada no livro digital “Adoção Afetiva – Escola e Comunidade Unidos”, lançado pela Secretaria Estadual de Educação de São Paulo

Levar educação empreendedora e inteligência emocional aos alunos do ensino médio da rede pública, preparando-os para o futuro. Com este objetivo, a ONG Instituto Tatiana Vieira (ITV) adotou a Escola Estadual Filomena Matarazzo, em Ermelino Matarazzo, zona Leste de São Paulo, no ano passado, desenvolvendo um projeto reconhecido pela Secretaria Estadual da Educação, com a publicação no livro digital “Adoção Afetiva – Escola e Comunidade Unidos”, disponível no site da SEE.  “Queríamos impactar jovens do ensino médio com um conteúdo que fizesse sentido para a vida deles, fortemente focado em empreendedorismo”, diz Tatiana Vieira, presidente do ITV.

Durante seis meses, sempre às terças e quintas-feiras, no contraturno escolar, 863 alunos aprenderam a identificar competências e desenvolver projetos empreendedores. As aulas utilizaram metodologia moderna, que incluiu até mesmo a elaboração de um plano estratégico com o Canvas – ferramenta que auxilia o empreendedor a dar viabilidade ao seu negócio.  “O jovem do ensino médio em geral tem dificuldade em entender o seu futuro, não está preparado para o mercado de trabalho”, diz Tatiana. Para os jovens da rede pública de ensino, o cenário costuma ser ainda mais grave. “Eles não acessam conteúdos comportamentais e de inovação, para que consigam ingressar no mercado de trabalho correspondendo às inúmeras expectativas das empresas. Em adição, muitos são oriundos de lares que sofreram violência doméstica, dentre outros problemas emocionais. Nesse sentido o ITV utilizou metodologia amplamente comprovada em mais de 20 países, para tratar desses jovens de “dentro pra fora”, e desta forma, capacitá-los no tema Empreendedorismo. Será a mudança que esperamos ver nas próximas gerações oriundos desse e de outros programas tão sérios quanto”, afirma a presidente do ITV.

De acordo com Tatiana Vieira, o lugar em que o jovem se encontra hoje, não determina até onde ele pode chegar. “Utilizando as ferramentas certas, primordialmente na fase escolar, eles podem plantar para o futuro uma vida mais digna com trabalho, família e sonhos”, reitera.

Durante o programa, as aulas de inteligência emocional foram fundamentais para devolver aos jovens a autoestima e a confiança em si. “Nossa preocupação era capacitar esses jovens para a prática da vida. O mercado de trabalho, hoje, não quer somente especialistas, quer pessoas com habilidade para resolver problemas complexos, pensamento crítico, criatividade, relacionamentos interpessoais, inteligência emocional”, diz Tatiana. Contratado pelo Instituto ABB, da empresa líder global em tecnologia para a indústria, ABB, o Instituto Tatiana Vieira vai agora levar o projeto de Educação Empreendedora com ênfase em Comunicação e inteligência Emocional para os jovens que fazem parte deste programa. “Precisamos do apoio das empresas para que este projeto alcance mais jovens e mais escolas públicas. A mudança que almejamos para o nosso país, reside nesses jovens”, finaliza Tatiana.  Saiba mais em www.institutotatianavieira.org

Comentários

VEJA TAMBÉM