05/09/2016

MUTIRÃO ESCOAL ERMELINOConhecer, agir e transformar é o lema dos estudantes do Ensino Médio da E.E. Pedro de Alcântara Marcondes Machado, situada no bairro Vila Paranaguá, zona leste da capital paulista. Partindo dessa premissa, os estudantes se reuniram para limpar e revitalizar a praça que fica no entorno da escola.

“Nós sempre tivemos a vontade de limpar a praça. Marcamos uma reunião na Subprefeitura de Ermelino Matarazzo e lá fomos informados que algumas placas sobre limpeza e lei haviam chegado. Aí marcamos um dia, nos reunimos e fizemos essa parceria com eles”, conta Nicoly Silva Prata, presidente da agremiação.

A ideia foi dar uma “tapa” no visual da praça e proporcionar maior segurança aos alunos e comunidade escolar. “Nos dividimos e cada um ficou com uma parte do projeto”, conta Nicoly. “Nós somos muito carentes nessa questão ambiental, então eu acho que cada ação que a gente tem pensando em melhorar o meio ambiente, pode nos proporcionar algo positivo”, afirma Marcelino Ancelmo Brandão, aluno da Educação de Jovens e Adultos (EJA) da escola e participante voluntário do Grêmio Estudantil. “Eu me deparei com essa galera do grêmio que é superativa e achei importante me envolver também”, revela o aluno, que coordena a horta escolar da unidade de ensino.

Durante o mutirão de limpeza, o grupo gremista contou com o apoio de membros da comunidade escolar e de dois ex-alunos da escola estadual: Iris e Marco. “Nós nos conhecemos na escola em 2000.

Na época, também fazíamos parte do Grêmio Estudantil. Aí nos casamos, formamos uma família e, recentemente, fomos procurados pela professora Jô para uma parceria. E desde então a gente tenta dar suporte para os alunos nessa questão de plantar, cultivar e adubar a planta”, conta Iris. “Eles estão sempre com a escola ajudando na horta escolar”, afirma Josmilia Lionel, professora de Língua Portuguesa da unidade de ensino.

Fonte: Portal do Estado/imagem: A2img / Diogo Moreira

Comentários

VEJA TAMBÉM