Envie esta notícia para seus amigos de Ermelino e Ponte Rasa

02/02/2018

O Carnaval de Rua 2018 da cidade de São Paulo começa no próximo fim de semana. Durante toda a festa, que irá ocorrer entre os dias 3 e 18 de fevereiro, serão 491 desfiles por todas as regiões da capital.

Em Ermelino Matarazzo, a tradicional festa carnavalesca inicia no sábado (03), a partir das 15h30, com o bloco Carnavalesco Garoterror, seguindo o itinerário pelas nas ruas Barra de Santa Rosa, Avenida Caiçara do Rio dos Ventos, Rua Pindai, Rua Lagoa Nova, Avenida Olavo Egídio de Souza Aranha, Avenida Caiçara do Rio dos Ventos Barra de Santa Rosa.

No domingo a festa continua com o bloco Na Labuta, com início às 13:00 horas, na Av. Paranaguá, 2026 (local de todas as festas do Bairro), passando pela Praça 1º de Maio e finalizando o trajeto na Praça Benedito Ramos Rodrigues (Av. Milene Elias, 1398).

O Carnaval de Ermelino Matarazzo é um sucesso, conta com muitas famílias, jovens e crianças, então venha festejar está folia. Os blocos vem animados para ocupa as ruas do bairro. O público todos os anos recebem bem as bandas e blocos.

Os blocos integram a programação oficial do Carnaval de rua da Prefeitura Regional Ermelino Matarazzo e espera reunir mais de 5 mil foliões neste ano


Conheça os blocos de Ermelino

Bloco Carnavalesco Garoterror: Nasceu numa entidade esportiva XI garotos e através da torcida saiu o bloco Carnavalesco Garoterror, porque levam alegria a torcida com a batucada nos jogos e realizam ensaios no meio da semana com as crianças e adolescentes da região.

Bloco Na Labuta: O bloco Na Labuta é um projeto idealizado inicialmente por três amigos com o intuito de colocar Ermelino Matarazzo na agenda do Carnaval de rua paulistano e fomentar a cultura no bairro, tão carente de atividades que promovam a integração e interação entre os seus moradores.

ACDEM: A Associação da Casa dos Deficientes de Ermelino Matarazzo – ACDEM é um pequeno bloco carnavalesco, que tem por principal intuito proporcionar um momento de folia e socialização dos usuários com deficiência intelectual, no carnaval.

Família na Folia: Bloco criado para dar diversão para a comunidade carente da região, que não tem como pagar para ir em festas fechadas de carnaval. Ele foi criado e dirigido por uma família de músicos e amigos, onde a grande maioria mora na comunidade.

Fonte: PREM

Comentários

VEJA TAMBÉM