10/03/2014

Criminosos tentaram atear fogo no corpo do ex-gerente bancário S. K., de 63 anos, após, segundo relato da vítima, o torturarem durante um roubo a sua residência, na Vila São Francisco, Zona Leste de São Paulo.

Em depoimento à polícia, K. afirmou que saía de casa para passear com o cão, por volta das 6h30 deste domingo (09), quando foi surpreendido por um dos integrantes do bando.

Vendo apenas um criminoso, a vítima tentou reagir, mas logo surgiram outros dois assaltantes, que o dominaram.

K. afirma que, então, foi arrastado para dentro de casa, amarrado em uma cadeira e torturado com golpes de faca e coronhadas. A casa foi revirada.

Após atearem fogo em K, os ladrões fugiram em direção da Avenida Governador Carvalho Pinto, a Tiquatira, no Corolla da vítima, levando o celular dele, uma televisão e cerca de R$ 1 mil.

K. diz que conseguiu se desprender da cadeira, apagar as chamas e ligar para a polícia.

Após ser medicado no Hospital Ermelino Matarazzo, ele foi liberado.

O caso deve ser registrado no 24º DP (Ermelino Matarazzo).

Fonte: R7

Comentários

VEJA TAMBÉM