04/10/2010

Simão Pedro, candidato a deputado estadual morador da zona leste conseguiu sua reeleição e ele agradeceu assim:

“Quero, em primeiro lugar, agradecer sua confiança e apoio à nossa exitosa campanha à reeleição, que me proporcionou 118.453 votos, possibilitando a renovação do meu mandato de deputado estadual por mais uma legislatura.Muito Obrigado e conte comigo! Estou muito feliz, orgulhoso e honrado com esses votos.”
Aumentou a votação, aumentam também meus compromissos e responsabilidades com as demandas regionais e sociais com as quais eu me comprometi.

Mesmo na oposição, farei de tudo para conseguir melhorar a educação pública, a política habitacional, a saúde pública e as políticas públicas para a juventude, mulheres, reforma agrária, combate ao racismo e o desenvolvimento regional.

Saiba mais sobre ele
Simão Pedro Chiovetti, 46 anos, é graduado em Filosofia e Mestre em Sociologia Política pela PUC-SP. Casado, tem dois filhos, nasceu no Estado do Paraná e mora na Zona Leste da Capital paulista há 35 anos. Iniciou sua militância política nas Comunidades Eclesiais de Base e nos movimentos populares urbanos.

Eleito Deputado Estadual em 2002 com 94 mil votos, e reeleito em 2006, com mais de 104 mil votos. Tem se destacado na Assembléia Legislativa pela firme atuação em defesa dos interesses populares. Aprovou importantes leis e é autor de dezenas de projetos em tramitação.

Líder da Bancada do PT na Assembléia de 2007 a 2008, coordena as frentes parlamentares pela Reforma Agrária; pela Segurança Alimentar e Nutricional; de apoio às Rádios Comunitárias; Pró-Economia Solidária, em defesa do Metrô Público e Estatal; em Defesa dos Quilombolas e Comunidades Tradicionais; em defesa da Educação Técnica e Tecnológica; pela Habitação e Reforma Urbana.

Foi presidente da Comissão de Educação e hoje está em seu segundo mandato à frente da Comissão de Serviços e Obras Públicas. Também é o atual vice-presidente da Comissão de Cultura, Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa.

Abaixo, assista a participação dele no ato pela UNIFESP LESTE no terreno que abrigava uma fábrica com mais de mil trabalhadores até os anos 90 e que acabou fechando. O deputado terminou seu discurso parabenizando a todos dizendo que não viu uma luta com o povo organizado que não trouxe uma vitória.

Comentários

VEJA TAMBÉM