10/09/2013

Assim como aconteceu com a Virada Cultural, também na Virada Esportiva que acontecerá nos dias 21 e 22 de setembro de 2013 o Distrito de Ermelino Matarazzo terá um volume de atividades bem pequena em relação a outras Subprefeituras mais privilegiadas.

Em Ermelino Matarazzo, a Virada Esportiva acontece no CDC Danúbio e no Centro Esportivo Délio de Carvalho, com ginásticas, dança e jogos de futebol e futsal para todas as idades. E no CEU Quinta do Sol durante os dois dias haverá atividades variadas no Bloco Esportivo e Cultural.

Já para quem quiser contemplar ou participar de atividades mais radicais, terá que se deslocar para  outros pontos da cidade. Confira abaixo os destaques de todas as regiões:

A sétima eJoão Luiz/SECOMdição da Virada Esportiva, nos dias 21 e 22 de setembro, promoverá a maior corrida de skate no mundo. A Skate Run percorrerá 8 quilômetros da região central da capital no domingo (22), com largada na Praça Charles Miller, em frente ao estádio do Pacaembu, e chegada no Memorial da América Latina. São esperados 10 mil participantes, em quatro categorias: profissional, amador, feminino e passeio.

Além da corrida, a Virada Esportiva oferece mais de duas mil atividades esportivas e recreativas para todas as idades. Atrações estão espalhadas em todas as regiões e são convite para a prática de atividade física. “Nós queremos utilizar a Virada para estimular as pessoas a ocupar os equipamentos públicos. A ideia é trazer as pessoas para a rua, para aproveitar a cidade”, afirmou Haddad, durante a entrevista coletiva de apresentação da programação, na manhã desta terça-feira (10). O prefeito e o secretário Celso Jatene (Esportes Lazer e Recreação) receberam skates e capacetes de Fernando Batman e Sandro Dias, o Mineirinho, ídolos da modalidade.

“Nós tivemos o cuidado para que as atividades neste ano fossem muito mais participativas do que contemplativas”, explicou o secretário Celso Jatene. “O skate hoje é a segunda atividade esportiva mais praticada do Brasil. A primeira é o futebol. Disputa com o MMA a preferência, principalmente da juventude. Mas no caso do MMA, 70% dos que gostam não praticam. O skate é ao contrário: a grande maioria que gosta, pratica. Então o Skate Run é um marco que nós criamos na cidade para dizer aos skatistas de qualquer idade que a gente reconhece o direito deles de andar de skate”, afirmou Jatene.
A corrida ocorrerá no Dia Mundial Sem Carro e pretende também apresentar o skate como alternativa de mobilidade urbana. “A cidade de São Paulo é o pólo no Brasil de skate. Hoje a gente quer inserir o skate como meio de locomoção, mostrando que não polui, é saudável. O skate é um objeto muito simples de carregar, você pode até levar no metrô. No começo é um pouco difícil, mas qualquer um pode andar de skate”, defendeu Mineirinho, atleta hexacampeão mundial do esporte.

Atrações

As atividades da Virada acontecerão da 8h da manhã do sábado (21) até às 18h do domingo (22) em 200 pontos da capital. São 45 centros esportivos municipais, 10 parques, 45 Centros Educacionais Unificados (CEUs), 90 praças e Clubes da Comunidade, 12 unidades do SESC e em arenas tradicionais como o Vale do Anhangabaú e o Memorial da América Latina. Durante as 34 horas do evento, 95% das atrações serão participativas. A programação incluirá atividades especiais para celebrar o Dia Nacional de Luta pelos Direitos da Pessoa com Deficiência (21) e o Dia Mundial Sem Carro (22).

As dez arenas serão instaladas pela cidade. O Vale do Anhangabaú e o Centro Esportivo Municipal Vila Curuçá terão programação voltada para esportes radicais. O Memorial da América Latina integra a corrida de skate e abriga a Skate Plaza. A Represa da Guarapiranga é o espaço destinado aos esportes aquáticos e de areia. O Parque do Carmo receberá o Air Show, com simulador de paraquedismo, balão de ar quente, simulador asa delta, bungee jump, Scape Shute e Snake Escalada. No Parque da Independência acontece a Snowboard Experience, um simulador de snowboard em uma rampa revista com PVC. No Parque Esportivo dos Trabalhadores (PET), o destaque é a corrida 24h. Os parques Villa-Lobos e Jacuí recebem da Viradinha Esportiva, com brinquedos infláveis, gincanas e atividades recreativas monitoradas para crianças de 0 a 12 anos.

Veja abaixo os destaques da programação por região da cidade:

REGIÃO CENTRAL

Durante a 7ª edição da Virada Esportiva, a região central de São Paulo terá grandes atrações para todas as idades.

No Vale do Anhangabaú, famoso cartão postal da cidade, será montada a Arena Radical, com atividades como a tirolesa, rapel, alpinismo, bungee trampolim, full pipe, pebolim humano, bola tripulada, surf mecânico, tobogã e simuladores de queda livre e anti-gravidade. O público ainda poderá disputar partidas de basquete 3×3 e tênis de mesa, com oficinas ministradas pelo campeão Hugo Hoyama. O mesatenista também participará da Virada no Centro Esportivo Barra Funda.

Já no Largo do Arouche, a população poderá assistir ou participar do Game da Diversidade, voltado ao público LGBTT. Haverá disputas de vôlei, queimada, futebol de salão, luta de cotonetes, surf mecânico, torneio de dança e as divertidas competições exclusivas para drag queens (arremesso de bolsa, corrida de salto alto, campeonato de bate-cabelo, etc.).

A Praça Charles Miller, em frente ao Pacaembu, terá corrida de skate de rua e, no Centro Histórico haverá passeio noturno de patins. Outro famoso ponto do centro de São Paulo que contará com grandes atividades durante a Virada Esportiva será o Memorial da América Latina. No local, o público poderá andar em um balão de ar quente, praticar arco e flecha, ter acesso ao Bossa Bol – uma arena inflável com cama elástica para jogos de voleibol e futevôlei, e poderá curtir ainda uma apresentação de MotoCross Freestyle, uma das poucas atrações da Virada meramente contemplativas.

Uma novidade da Virada Esportiva 2013, que acontecerá no centro da capital, será a Skate Run – uma emocionante corrida com a participação de milhares de skatistas. Seu percurso passa pelo Elevado Costa e Silva, mais conhecido como Minhocão, com chegada no Memorial da América Latina.

O público da terceira idade também terá diversas opções para aproveitar a Virada Esportiva. O espaço do Creci, localizado embaixo do Viaduto do Chá, novamente será utilizado para a Arena do Idoso e lá o público poderá dançar ao som de diversos ritmos, aproveitar uma massagem relaxante, ginásticas e alongamentos. A Câmara Municipal recebe a Copa Centro Olímpico de boxe, com disputas de várias categorias da modalidade.

ZONA LESTE

A Virada Esportiva tem como um de seus principais objetivos facilitar o acesso de toda a população ao esporte, lazer e recreação. Na Zona Leste não será diferente.

No Itaim Paulista e em Itaquera, o clima será radical. No Centro Esportivo Vila Curuça haverá a Caravana Radical, com clínicas de surf, stand up padle, skate, slackline, parkour, além de atividades lúdicas e no Parque do Carmo será realizado o Air Show, com simulador de paraquedismo, balão de ar quente, simulador de asa delta e bungee jump. No SESC Itaquera, será possível praticar bumerangue e soltar pipas.

O Parque Esportivo dos Trabalhadores (PET), localizado no bairro de Vila Formosa, também será um dos principais pontos dessa Virada Esportiva. No local haverá torneio de tênis com duração de 24 horas, clínica de patins, a corrida infantil da SEME e o evento Rei da Piscina. Nele, o público poderá aproveitar o clima gostoso da primavera para aprender as técnicas do wakeboard, jogar frescobol, entre outras atividades. O PET também recebe a já tradicional Corrida 24 horas.

Para quem curte andar de bicicleta por São Paulo, o polo da Penha será uma ótima opção. No Centro Esportivo Vila Manchester haverá o Lazer sobre Rodas, que consiste em ciclismo com obstáculos recreativos para todas as idades.

Em São Miguel Paulista, a Virada acontece no Parque do Jacuí. As crianças de até 12 anos poderão aproveitar as atrações da Viradinha Esportiva e os mais velhos podem participar da Copa do Mundo da Virada, que terá pebolim humano, futebol de salão, futebol de sabão e videogames.

Em Cidade Tiradentes, a programação fica por conta dos CEUs Água Azul e Inácio Monteiro. No primeiro, haverá apresentação de fanfarras, vôlei com lençóis, muay thai, hidroginástica, goalball, karatê, entre outras atrações. No segundo, haverá vários festivais e atividades na piscina, torneio de xadrez, pilates, boxe, jiu jitsu e parkour.

O CEU Jambeiro e o CEU Lajeado programaram atividades e aulas especiais para a Virada em Guaianases, com esportes coletivos, de lutas, danças e até baile para a 3ª Idade. Em Ermelino Matarazzo, a Virada Esportiva acontece no CDC Danúbio e no Centro Esportivo Délio de Carvalho, com ginásticas, dança e jogos de futebol e futsal para todas as idades.

ZONA OESTE

O Parque Villa Lobos será palco de dois eventos da Virada. A partir das 10h, o local sediará a Viradinha Esportiva, evento voltado para crianças de 0 a 12 anos. Brinquedos infláveis, oficinas manuais, apresentações de palco, gincana, atividades recreativas monitoradas e atividades esportivas prometem animar o fim de semana da garotada. Durante a tarde, o Parque também vai receber o Desafio de Streetball 3×3, promovido pelos Jogos da Cidade, competição de esporte amador da Prefeitura.

Localizado no bairro da Lapa, o Centro Esportivo Pelézão será transformado em uma verdadeira praia no dia 22 de setembro. O local será uma das sedes do “Deu Praia na Virada”, que vai oferecer aos paulistanos atividades como futebol de areia, vôlei, futevôlei e handbeach. A atividade também será oferecida na Praia do Sol, que fica na região do Guarapiranga, zona sul da cidade.

Os moradores de Pirituba e Jaraguá poderão participar de um passeio ciclístico pelas ruas da região. Além disso, os CEUs Pera Marmelo e Vila Atlântica vão oferecer programações especiais para a Virada Esportiva. Um passeio monitorado ao Pico do Jaraguá também vai compor a programação. O Ginásio Baby Barioni terá atrações mais tranquilas, e, assim como nas últimas edições da Virada, será palco de jogos boêmios como sinuca, pebolim e futebol de botão.

ZONA NORTE

Os moradores do bairro Parque Tietê, localizado na Brasilândia, também poderão aproveitar a programação infantil da Viradinha Esportiva. A brincadeira vai continuar com o “Virando Brincadeira”, no Parque Linear do Jardim Damasceno, com oficinas de pintura, argila, gesso, além de futebol e vôlei de rua.

O inusitado Bike polo deve ser uma das principais atrações do Parque da Juventude, localizado em Santana. Os amantes da bike têm também encontro marcado no Festival Ciclo BR da Virada 2013, que dura mais de 24 horas, começando às 10h do dia 21 de setembro e término previsto para as 17h no dia 22.

Em Jaçanã, o CEU da região vai oferecer atividades como aulas de capoeira, torneio de xadrez, recreação na piscina, torneios mistos de tênis de mesa, além de torneios de futsal. O Centro Esportivo Jardim São Paulo tem uma revoada de pipas no período noturno. O Centro Esportivo Santana terá uma das mais inusitadas modalidades da Virada Esportiva 2013: o jiu-jitsu aquático.

ZONA SUL

Na região do Campo Limpo, os participantes da Virada encontrarão diversas atividades entre os dias 21 e 22. O CEU Campo Limpo será um dos cincos polos na cidade que sediarão jogos de futebol, tênis, atividades circenses e pintura corporal são algumas das atrações programadas.

Os moradores da região também podem curtir uma Virada muito radical no CEU Paraisópolis. Durante os dois dias de festa, o evento “Skate no Paraisópolis” vai ministrar clínicas de skate para alunos de todas as idades. Os CEUs Feitiço da Vila, Capão Redondo, Casa Blanca e Canto do Amanhecer também terão programação especial com atividades para todos os gostos.

Na Cidade Ademar, a Virada preparou o evento Cidade em Atividade em alguns Clubes da Comunidade. Os locais contarão com clinicas de skate, futebol e futsal, vôlei e os clássicos jogos de taco, bolinha de gude, dominó e pula corda, entre outros. MMA e Judô também estão confirmados na programação.

O Museu do Ipiranga repete a receita de sucesso com o dia de Skate no Museu, que atrai praticantes de todas as variantes de skate, no sábado, 21. O evento Virada Heliópolis e Região dispensa apresentações de data e local. A comunidade poderá se exercitar com vôlei, skate, corda, basquete, futebol e capoeira.

Os moradores da região do Jabaquara podem confirmar presença no Clube Esportivo Vila Guarani. Atividades como stand up paddle, skate, parkour, slack line e até clínica de surf estarão montadas no local. Já Parelheiros recebe o Snowboard Experience, um simulador de snowboard sobre PVC, no dia 21.

A região de Santo Amaro está repleta de atividades. A Praia do Sol recebe a Travessia Aquática Guarapiranga, o Duathlon (corrida e natação) e o Deu Praia na Virada. Já a Guarapiranga Radical (CDC Guarapiranga) preenche a orla da represa com diversas atividades como beachvôlei, passeio de balão tripulado, wake skate, stand up padle e rafting.

Para completar a festa na região, o Clube Esportivo Joerg Bruder oferece o Experimentando o Esporte, com clinicas de futsal, boxe, atletismo e basquete. O CEU Alvarenga sediará clinicas de patinação e hóquei. O Autódromo de Interlagos mantém a tradição da velocidade e recebe a competição de kart Acelera na Virada.

No Parque Ibirapuera, acontecem o Passeio Noturno sobre Patins, a Semana Move Brasil, jogos de basquete 3×3 e clínicas de tênis. Ainda na região da Vila Mariana, na madrugada entre 21 e 22, o Parque das Bicicletas é palco de largada da Virada Noturna de Bike.

No Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa (COTP) será disputado o “COTP na Virada” nas modalidades Atletismo, Basquete, Futebol, Ginástica Artística, Handebol, Luta Olímpica, Natação e Voleibol.

 

 

Comentários

VEJA TAMBÉM