Os participantes do Cruyff Court, nome oficial do projeto, são acompanhados por uma equipe multidisciplinar e recebem lanches após os treinos. O Cruyff Court também oferece oportunidades de intercâmbio de profissionais e alunos entre Brasil e Holanda. A Fundação Cruyff escolheu Ermelino Matarazzo por ser uma área de vulnerabilidade social, com altos índices de violência.

“O projeto vive um bom momento em relação ao entusiasmo das crianças e ao envolvimento dos pais, e tem estudos para ser replicados em outras regiões. Por outro lado, os investidores ajudaram na fase inicial, mas agora precisamos de novas formas de apoio”, explica Joëlke Offringa, coordenadora do projeto.

 

Comentários

VEJA TAMBÉM

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

« 
 »