19/03/2014

Uma parceria entre as empresas de eventos Play Corp e D+ foi a selecionada para a realização da FIFA Fan Fest e mais cinco exibições públicas na cidade de São Paulo durante a Copa. Uma comissão instituída pelo Prefeito, integrada por diversas secretarias e coordenada pelo Gabinete da Vice-Prefeita Nádia Campeão e pela Coordenação das Subprefeituras foi a responsável pela escolha. O resultado, que foi divulgado no Diário Oficial do último sábado, 15/02, descreve em detalhes cada uma das duas propostas apresentadas.

De acordo com a comissão, a vencedora foi a proposta que melhor atendeu ao interesse público da região onde serão realizadas as exibições públicas e a FIFA Fan Fest, através das contrapartidas oferecidas. Além disso, ao contrário da concorrente, abrangeu todos os dias de realização dos jogos da Copa do Mundo FIFA 2014, além de ter atendido na íntegra o projeto de implantação elaborado pela Prefeitura para a realização do FIFA FAN FEST.

As seis grandes exibições públicas dos jogos da Copa serão realizadas em várias regiões da cidade. A parceria com as empresas foi estabelecida através de chamamentos públicos que foram iniciados no final do ano passado, através do Diário Oficial do Município. As cooperações serão realizadas com base no Decreto nº 52.062, de 30 de dezembro de 2010, que regulamenta a Lei da Cidade Limpa (Lei nº 14.223/2006).

Melhorias propostas

As empresas vencedoras propuseram as seguintes melhorias ambientais, paisagísticas e urbanas nos locais dos eventos:

a) FIFA Fan Fest 2014: manutenção da passarela a ser construída no eixo da avenida São João durante 6 (seis) meses após a Copa do Mundo FIFA 2014;
b) Praça do Samba (Perus): aquisição de um palco coberto fixo para eventos, pintura da quadra de futebol e instalação de equipamentos para ginástica;
c) Parque da juventude (Santana): manutenção do jardim de uma praça próxima à Subprefeitura Santana, durante aproximadamente 2 (dois) anos e instalação de equipamentos para ginástica;
d) Parque do Povo (Pinheiros): instalação de “fradinhos” (obstáculos ao acesso) no Largo da Batata e construção de uma quadra de futebol.
e) Praça Benedicto Ramos Rodrigues (Ermelino Matarazzo): instalação de equipamentos para ginástica, criação de uma ciclovia, manutenção da pista de skate, pintura das quadras, limpeza e jardinagem de toda a área verde do local, e construção da mureta protetora ao longo do córrego;
f) Praça João Tadeu Priolli (Campo Limpo): instalação de equipamentos para ginástica, construção de pista de corrida, instalação de traves para o gol e tabelas para basquete, manutenção dos equipamentos infantis, limpeza e jardinagem de toda a área verde do local, instalação de mais postes de iluminação próximos às quadras.

Confira abaixo os locais das seis exibições públicas e a capacidade prevista:

– Praça do Samba (Perus, na zona noroeste): 5 mil pessoas.
– Parque da Juventude (Santana, zona norte): 50 mil pessoas
– Parque do Povo (Itaim Bibi, zona sul): 7 mil pessoas
Praça Benedicto Rodrigues (Ermelino Matarazzo, zona leste): 10 mil pessoas
– Praça João Tadeu Priollli (Campo Limpo, zona sul): 15 mil pessoas
– Vale do Anhangabaú (Centro): de 5 mil a 40 mil pessoas

Assessoria de Comunicação da SPCOPA

Comentários

VEJA TAMBÉM