Envie esta notícia para seus amigos de Ermelino e Ponte Rasa

27/09/2015

Semana passada foi finalizado as filmagens do Filme JAGUAPORERUBA, que conta a história do bairro de Ermelino Matarazzo, mistura ficção com documentário, o projeto é financiado pelo Programa VAI e Secretaria Municipal de Cultura, realizado com a produção do Coletivo Audiovisual local chamado de Coletivo Paulisséia, e toda a produção é residente do bairro, com a colaboração do comércio local. Sob a direção de Paulo Camargo.

A narrativa do filme aborda a Lenda do homem lagarto, segundo depoimento, este monstro assustou e assombrou os moradores na década de 60. Segundo a Equipe Paulisséia , “A Ideia é abordar uma espécie de continuação do Rua DOIS, mas será os mesmos personagens em outra história de Ermelino, queremos fazer uma homenagem ao nosso bairro, pretende abordar, a história, a memória, os costumes e a cultura do Ermelino Matarazzo em seu entorno, serão exibidas em instituições públicas e privadas; Centro de Educação Infantil e escolas.

O nome do vídeo será JAGUAPORERUBA (nome indígena do bairro).

O Filme será documentário com ficção, onde os personagens vão entrevistar os moradores reais com uma visão infanto-juvenil. Tem previsão para ser lançado no próprio bairro em outubro, e já temos elenco confirmado, entre eles: Pedro Henrique Silva, Carol London, Zé Alberto Martins, Nailah Fontes, Rafael Barbosa, Alberto Sagaz, Gabriel Barbosa, Thiago Correa. O Projeto também, com parceria com os grupos e coletivos artísticos culturais e comércio local.

O GRUPO COLETIVO PAULISSEIA

O Coletivo Paulisséia é um grupo de moradores, professores, jovens, artistas e estudantes que surgiram em 2013, com intuito de discutir a história de Ermelino Matarazzo, a Cultura e a Educação e por meio disso fizeram registros por meio do audiovisual.

PROGRAMA VAI

Um patrocínio realizado com a Secretaria municipal de cultura do Estado de São Paulo, que apoia grupos e coletivos de diversos gêneros culturais e artísticos da capital, uma lei de incentivo aos jovens das periferias para realizar atividades. Programa VAI significa Programa de Valorização de Iniciativas Culturais, e qualquer jovem de 18 a 29 anos podem se inscrever anualmente.

Comentários

VEJA TAMBÉM