25/10/2017

suspeito preso em ermelinoHeni de Oliveira foi preso nesta terça-feira (24) sob suspeita de torturar Marcelo Pereira de Souza e Everaldo Jesus Santos, presos pela morte de Adrielli Mel Porto, a Mel, de 3 anos e 8 meses, e Beatriz Moreira dos Santos, a Bia, de 3 anos e 11 meses, em São Miguel Paulista, na zona leste de São Paulo. 

O suspeito foi detido no bairro de Campos Elíseos, no centro da cidade de São Paulo, por policiais do 62 DP, de Ermelino Matarazzo, na zona leste.

Segundo o investigador que atendeu a ocorrência, o suspeito possivelmente tem ligação com a facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).Heni de Oliveira não reagiu e alega ser inocente.

Em nota, a SSP (Secretaria de Estado da Segurança Pública) afirma que a “Polícia Civil prendeu, nesta terça-feira (24), um dos homens que agrediu os autores do crime envolvendo duas crianças, na zona leste. O suspeito responderá pelo crime de tortura, e está sendo ouvido no 62º DP. Ele será encaminhado posteriormente à carceragem do 77º DP, onde cumprirá prisão temporária de cinco dias. As investigações prosseguem para identificar e prender os demais envolvidos.”

O caso

Mel e Bia foram encontradas mortas na tarde do dia 12 de outubro dentro de um Fiorino em uma comunidade em São Miguel Paulista. Elas estavam desaparecidas desde o dia 24 de setembro.

Marcelo Pereira de Souza e Everaldo Jesus Santos foram presos pelo crime nesta sexta-feira (20)

Fonte: R7

Comentários

VEJA TAMBÉM