Envie esta notícia para seus amigos de Ermelino e Ponte Rasa

28/07/2009

Acompanhe abaixo a reportagem publicada no Globo:

Há dez anos, a psicóloga Marlene Aparecida Silva, desembarcava do ônibus na Praça da República e caminhava a pé até a empresa onde trabalha, na Rua Líbero Badaró, ambos no Centro de São Paulo. A rotina será alterada a partir desta segunda-feira porque os ônibus fretados não vão mais poder parar no mesmo local.

Moradora de Ermelino Matarazzo, na Zona Leste, Marlene não quer se expor ao risco e ao desgaste de pegar o ônibus comum para deixar o bairro onde mora. Está em dúvida sobre continuar com o fretado até parte do caminho ou tirar o carro da garagem. “Vou ter que me organizar. O que não posso é ir de transporte convencional, que é muito cansativo”, afirmou.

Comentários

VEJA TAMBÉM