22/07/2012

Após ação rápida da Polícia Militar, um sequestro relâmpago realizado por dois criminosos não durou mais que 10 minutos na noite de sexta-feira, dia 20. A vítima, uma funcionária pública de 40 anos, saiu ilesa. Às 22h30, ao parar em um semáforo no início da Avenida Águia de Haia, a mulher, que estava ao volante de um Golf preto, modelo antigo, foi abordada por Sidney Paulino dos Santos, de 27 anos, e Carlos Alessandro Pinto de Souza, de 30. Ao simular que portava uma arma, a dupla invadiu o carro da vítima, obrigando-a a se transferir para o banco do passageiro. Um dos bandidos assumiu o volante e o outro foi para o banco traseiro. Uma testemunha que passava a pé pelo local desconfiou da cena, anotou a placa do Golf e ligou para o 190. O veículo foi localizado por uma das viaturas da PM e cercado, 10 minutos depois, na Avenida Campanella, cerca de 100 metros antes da Rua Catarina Lopes. Desarmados, os criminosos, que segundo a polícia já têm passagens por roubo e furto, renderam-se. A intenção da dupla era obrigar a funcionária pública, que retornava para casa, a realizar saques em caixas eletrônicos da região. Segundo os policiais militares da viatura M-39408, Sidney e Carlos moram em Guaianazes, também na zona leste. O flagrante foi registrado no plantão do 24º Distrito Policial, da Ponte Rasa.

Criança atropelada

Outro caso envolvendo esta mesma avenida foi o atropelamento de uma criança na altura do nº 2976 às 14 horas de domingo (22/07). A vítima com ferimentos generalizados foi socorrida pelo SAMU.

Fonte: Rede Social do Corpo de bombeiros e Diário do Grande ABC/foto ilustrativa
Comentários

VEJA TAMBÉM