25/04/2014

Professor substituto de química, André Luiz de Paula Moura, de 31 anos, foi detido em flagrante por policiais militares após ser flagrado mantendo duas plantações de pés de maconha dentro de sua casa, no início da noite de quarta-feira (23), no Parque Císper, na Zona Leste da capital.

Segundo o registro da ocorrência feito no 24 DP (Ponte Rasa), os policiais estavam fazendo patrulha pelo bairro quando suspeitaram de um ajudante de 19 anos que aparentava estar drogado. Durante a abordagem, foi encontrado em seu celular fotos de plantação da maconha.

Indagado a respeito, o acusado revelou o endereço do local onde estaria a plantação proibida. Moura se identificou como o proprietário do imóvel e ainda admitiu que possuía o cultivo da erva. Foram apreendidos dois pés grandes de maconha, além de sete vasos contendo mudas pequenas.

Usuário/ Dois menores, ambos de 16 anos, que já tiveram aula de química com o professor, estavam no local no momento da ação policial. Eles disseram que frequentavam a casa há pelo menos um ano, mas para ajudar o professor a cuidar das plantas.

Em seu depoimento, o professor, que é formado pela USP (Universidade de São Paulo), confessou ser usuário da droga e disse que, além disso, utilizava as mudas da erva para a realização de estudos. Moura prestou depoimento no delegacia e vai responder ao processo em liberdade.

 Fonte: Diário SP/imagem ilustrativa
Comentários

VEJA TAMBÉM