Envie esta notícia para seus amigos de Ermelino e Ponte Rasa

18/05/2010

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de São Paulo retirou a cassação de mais três vereadores da capital paulista acusados de terem recebido doações ilegais da Associação Imobiliária Brasileira (AIB), suspeita de ser uma empresa fantasma criada por sindicatos do setor imobiliário. Os sindicatos são proibidos de fazer doações para campanhas políticas.
Segundo nota do TRE, os vereadores Adilson Armando Carvalho Amadeu (PTB), Adolfo Quintas Gonçalves Neto (PSDB) e Ushitaro Kamia (DEM) tiveram suas cassações retiradas. O tribunal já havia julgado e retirado as cassações de outros cinco vereadores da capital.

A Justiça Eleitoral de primeira instância já cassou 24 vereadores paulistas da atual legislatura por irregularidades no recebimento de doações nas campanhas políticas. No entanto, eles continuam nos cargos apoiados por um efeito suspensivo concedido pela Justiça, aguardando julgamento do TRE.

Comentários

VEJA TAMBÉM