11/09/2015

O programa Prefeitura no Bairro chegou nesta segunda-feira (10) a Ermelino Matarazzo, na zona leste da capital. Postos de atendimento de serviços públicos foram instalados na praça Benedito Ramos Rodrigues. A vice-prefeita Nádia Campeão e secretários municipais participaram da cerimônia que marcou o início das ações de diversas pastas no bairro.

“A nossa vinda aqui serve primeiro para trazer esses serviços todos, como se fosse uma Prefeitura itinerante. E viemos para a rua, para a praça, e não para a sede da subprefeitura para ficar mais perto das comunidades. Ouvimos as demandas e já fazemos o serviço que precisa ser feito, sem muitas burocracias. Além disso, a nossa visita também nos serve para entendermos quais são as reivindicações que são importantes. Às vezes, [são] projetos que exigem um tempo e recursos maiores, que têm de ser colocados no orçamento. A gente percebe quais são as coisas mais importantes para cada região”, afirmou Nádia.

Com envolvimento de todas as secretarias municipais, até o próximo sábado (15) serão intensificados serviços como limpeza de córregos, bocas de lobo, operações Cata-Bagulho e Tapa-Buraco, além de podas de árvores e manutenção de praças e parques. Nos distritos de Ermelino Matarazzo e Ponte Rasa, ambos sob administração de uma única subprefeitura, os serviços de zeladoria serão reforçados nos bairros Parque Boturussú, Vila Cisper e Jardim Keralux.

“É importante destacar que a Prefeitura no Bairro encurta as distâncias e traz uma oportunidade de ampliar o diálogo. Momentos como esses, que trazem as reivindicações de necessidades da comunidade, são fundamentais. O diálogo facilita e agiliza a solução dos problemas”, destacou Romildo Campello, secretário-adjunto do Verde e do Meio Ambiente.

A região também receberá ações de desratização, melhorias na iluminação pública, limpeza de pontos de descarte irregular de entulhos e instalação de novas sinalizações de trânsito. O posto da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) receberá ao longo da semana sugestões e pedidos para serviços como instalação de faixa de pedestres, sinalização ou semáforos, por exemplo.

Campanhas de saúde ligadas à vacinação, ao combate da dengue e a doenças sexualmente transmissíveis (DSTs), além da emissão de carteiras de trabalho e cadastro em programas sociais, também farão parte da ação integrada. Excepcionalmente nesta segunda-feira, os moradores da região poderão visitar a Unidade Móvel de Cidadania LGBT, que presta atendimento a vítimas de homofobia. Além de apoio psicológico, os cidadãos terão acesso a programas sociais voltados a essa população e exames de saúde.

“Hoje temos uma grande oportunidade, pois não raro temos um problema de ordem que envolve duas, três secretarias. É aqui que você tem a oportunidade de colocar este problema em discussão. O Prefeitura no Bairro é uma ação dessa gestão que dialoga com o bairro”, pontuou Leandro da Cruz Medeiros, subprefeito de Ermelino Matarazzo em exercício.

No local, a população poderá apresentar pedidos e tirar dúvidas sobre serviços como assistência social, saúde, direitos das mulheres e educação. Um dos destaques é o posto móvel do Centro de Apoio ao Trabalhador (CAT), que realiza encaminhamentos para vagas de emprego, emissão de carteira profissional e orientação para formalização de pequenos empreendedores. Em sua base móvel, a Guarda Civil Metropolitana (GCM) realiza campanha de desarmamento e mediação de conflitos.

Acompanharam a cerimônia de abertura da 18ª edição do Prefeitura no Bairro os secretários municipais Eduardo Suplicy (Direitos Humanos e Cidadania), Luiz Antonio de Medeiros (Coordenação das Subprefeituras), Marianne Pinotti (Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida) e Maurício Pestana (Promoção da Igualdade Racial).

Comentários

VEJA TAMBÉM